Central de Atendimento:
  • (31) 3079.3478
  • (31) 3079.3479
  • (31) 3079.3480
  • (31) 3079.3481
2ª a 6ª de 7h as 19h Sábado de 8h as 13h15
  • A
  • A
  • A-
  • A
  • A+

Consumo de isotônicos deve ser feito com moderação

17 de Janeiro de 2019 às 16h00

Se você pratica alguma atividade física, com certeza já ouviu falar, ou conhece alguém que consome as bebidas isotônicas. Mas, o consumo desse tipo de bebida deve ser feito com moderação e sempre com orientação de um profissional de saúde. Por serem à base de água e sais minerais como sódio e potássio, têm concentração semelhante ao suor, e alguns contém ainda carboidrato e aromatizantes.

É importante saber que os isotônicos auxiliam no caso de atletas que fazem atividade intensa, como corrida, triatlo e ciclismo com mais de uma hora e meia de duração, e assim, é recomendada a reposição de sais minerais perdidos nessas atividades.

Por isso, “a ingestão de isotônicos deve sempre ser orientada por um profissional de saúde, pois devem ser consideradas variáveis como o tipo de atividade realizada, a intensidade, a temperatura, entre outros fatores. Além disso, devem ser verificadas a ocorrência de doenças como hipertensão, doenças cardiovasculares ou renais, em que a ingestão pode não ser indicada”, ressalta Nathália Beltrão, referência técnica da Coordenadoria de Alimentação e Nutrição da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG).

Para quem realiza atividades leves a moderadas, não há necessidade da ingestão dessas bebidas. Nesses casos, uma alimentação baseada em alimentos in natura ou minimamente processados, e a ingestão de água já são suficientes para repor os líquidos e sais minerais perdidos durante o exercício.

 

Fonte: Blog da Saúde/Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais